SEAC-MG SEAC-MG

Campanha: “Aqui não. Dê justa causa ao mosquito Aedes aegypti”

O Seac-MG mobiliza empresas do segmento de Asseio e Conservação mineiras para a campanha “Aqui não. Dê justa causa ao mosquito Aedes aegypti”. O objetivo é contribuir com o governo e sociedade na luta de combate ao mosquito transmissor do vírus da Dengue,  Chikungunya e Zica. Para divulgar a campanha, o Seac-MG utiliza as mídias institucionais, como site, facebook e newsletter. 

A campanha faz uma metáfora ao poder do empregador, que nesse caso, deve e pode “demitir o mosquito” por justa causa, que se justifica pelo risco que traz à saúde dos trabalhadores da empresa. A ideia é eliminar o mosquito, combatendo todos os focos.  Para isso, o Seac-MG sugere um Programa de Ações de Combate e Prevenção, que envolve trabalhadores e empresários, e pode ser adaptado à realidade e perfil de cada empresa. 

Para desenvolver o programa dentro da empresa, é fundamental a conscientização dos trabalhadores e a formação de uma equipe, responsável por coordenar todas as ações de eliminação dos focos do mosquito. O programa inclui ainda, a definição de métodos de combate e controle do mosquito na política de saúde e segurança do trabalho da empresa. O programa sugere também a elaboração de um relatório com os riscos e focos encontrados para identificação de padrões de comportamento, visando definir futuras ações de correção.

Além disso, o programa deve ser compartilhado com todos os trabalhadores, buscando envolvê-los por meio de treinamentos específicos e campanhas de conscientização. O programa alerta para a importância de manter os trabalhadores sempre bem informados, principalmente, sobre os sintomas da Dengue, Chikungunya e Zica.

O presidente do Seac-MG, Renato Fortuna Campos, destaca a importância da campanha, pois as empresas do segmento são contratadas para prestar serviços de asseio e conservação. “Sabemos que uma das formas de combate ao mosquito é manter o ambiente limpo e saudável”. Segundo ele, além de ser um problema de saúde pública, que avança assustadoramente, a dengue também está afetando as empresas de forma significativa, pois o trabalhador doente se ausenta do trabalho por até sete dias, o que aumenta os custos operacionais da empresa. “Com essa campanha, o Seac-MG  soma esforços às ações do governo e da sociedade, cumprindo também um papel social, reforçando a ideia de que a prevenção é a melhor forma de combater o mosquito”, concluiu.

Rua Uberlândia, 877, Carlos Prates, Belo Horizonte - Minas Gerais - CEP 30710-230
Telefax: (31) 3278-3008 

Horário de Funcionamento:
Segunda à sexta-feira das 8 às 12h e das 13 às 17 horas

by MacWeb Solutions